sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Desde os 8 anos, menino passa por tratamento para mudança de sexo



Há 3 anos, um garoto californiano de 11 anos deu início a um tratamento para mudança de sexo.
Thomas Lobel, que agora se chama Tammy, está passando por um tratamento hormonal bastante controverso, cujo objetivo é impedi-lo de atravessar a puberdade.
Lobel foi adotado por um casal de lésbicas, que contaram ao Daily Mail que a primeira coisa que ele falou foi “Eu sou uma menina“.
Segundo Debra Lobel e Pauline Moreno, mães de Tammy, aos sete anos, ele ameaçou mutilar seu próprio órgão genital. Logo em seguida, foi submetido a várias sessões com psiquiatras. Com oito anos, o tratamento para mudança de sexo foi iniciado.
Tammy recebeu uma medicação implantada em seu braço esquerdo para impedir que seus ombros se tornassem mais largos com o passar do tempo. Além disso, ela evitará que sua voz se torne mais grave e seu rosto ganhe traços mais masculinos.
O casal contou que recebeu várias críticas, inclusive da família e amigos, mas que não se abalou. “Todo mundo ficou com raiva de nós. ‘Como vocês podem fazer isso? Estão estragando a sua vida inteira’ diziam“.
Moreno contou que espera que essa mudança ajude o, até então menino, a ter uma vida adulta menos conflituosa.
Entretanto, se ele optar por parar com as drogas e voltar a ter aparência masculina, o casal afirma que ele pode entrar normalmente na puberdade e sua fertilidade futura não será afetada.
Caso você não saiba, San Francisco é uma das quatro cidades dos Estados Unidos com um hospital com um programa direcionado à crianças transexuais.
As crianças são assistidas por profissionais de saúde mental e, em seguida, tratadas por endocrinologistas pediátricos.
As outras cidades são: Boston, Seattle e Los Angeles.
Postar um comentário

COMENTE!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...