sábado, 7 de agosto de 2010

Tatuagem em conserva.


Aproximadamente 60 tatuagens antigas, foram retiradas de detentos, durante suas autópsias e são mantidas em potes com formol no Departamento de Medicina Legal de Cracóvia, na Polônia.
O objetivo é fazer uma coleção que retrate a maior parte dos desenhos, que são utilizados em tatuagens pelos detentos, como também o significado de cada um deles.
Antigamente as tatuagens eram feitas utilizando nanquim (como tinta) e agulhas, clipes de papel, ou pedaços de vidro.
A prática de “eternizar tatuagens” não é nova…
Dizem  que em alguns lugares do Oriente, pessoas muito tatuadas vendiam, em vida, suas peles para membros da Yakuza que posteriormente faziam “obras de arte” como quadros e abajures. Já circularam algumas fotos, mas a veracidade das mesmas, não foi comprovada.
li no istoébizarro
Postar um comentário

COMENTE!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...