sábado, 24 de agosto de 2013

7 menores coisas do mundo.


Contrariando os rumos atuais da indústria mobile, alguns criadores mundo afora ainda acreditam que o “menor” pode também ser o “melhor”. Isso faz aparecer algumas coisas bastante coerentes e até “úteis” — como uma micro bicicleta que dificilmente furaria os pneus.

Mas há também artefatos menos funcionais do quebizarros, como o menor jornal do mundo, uma edição especial do português “Terra Nostra”. No front científico, o “tempo de Planck” é o legado do famoso cientista — um dos luminares da física quântica —, sendo a menor unidade de tempo do mundo.

Bem, o que mais dizer? Há até o menor assento sanitário do mundo, cujas medidas excluem qualquer criatura além de alguns nanômetros. Mas há mais “menores coisas” em cantos remotos do nosso enorme globo. Vamos a sete delas abaixo.

O menor vaso sanitário
A “belezinha” aí em cima dificilmente conquistaria um prêmio por design em alguma feira de decoração, é verdade. Entretanto, a minúscula criação do japonês Takahashi Kaito, da companhia SII Nanotechnology, levou dois prêmios igualmente respeitáveis: o de “menor assento sanitário do mundo” e também o de “maior bizarrice”, durante a 49ª Conference on Electron, Ion and Photo Beam Technology and Nanofabrication.

A estrutura foi confeccionada por meio da gravação de um substrato de silício com um feixe de ions — processo que ainda deve dar o que falar lá pelos lados da nanotecnologia. Bem, mas quão pequena a “privadinha” realmente é? Bem, basta dizer que a imagem acima foi aumentada 15 mil vezes.
A menor TV
A telazinha minúscula acima é a ME1602, da Micro Emissive Displays, e representa o menor aparelho de televisão já produzido. As medias: 3,84 milímetros (largura) por 2,88 milímetros (altura).

Com resolução de 160 x 120 pixels, a ME1602 utiliza diodos orgânicos emissores de luz e pode ser considerada mil vezes menor do que a maior televisão já produzida — uma respeitável TV de plasma de 152 polegadas desenvolvida pela Panasonic.

O menor carro
O Peel P50 certamente não é o carro mais rápido que já rasgou os asfaltos da Ilha de Man, no Reino Unido. Na verdade, trata-se de um veículo cuja velocidade máxima é algo em torno de 60 quilômetros por hora — dificilmente passando disso sem alguma ajuda sobrenatural. Entretanto, há uma vantagem: O P50 pode ser carregado para cima e para baixo como um carrinho de feira, se preciso for!

O modelo foi produzido entre 1962 e 1965, despachando um total de apenas 50 exemplares. Trata-se, portanto, do menor carro do mundo. São 119 centímetros de altura e 134 centímetros de comprimento. Além de um pequeno moto de 49 cavalos, o interior do carrinho traz espaço apenas para uma pessoa e uma sacola de compras.

O menor pub
Que tal comprar o carrinho acima para estacionar em frente ao Blomberger Saustall, o “menor pub do mundo”? A propriedade do alemão Reinhold Mennecke já constou inclusive no Guinness, na edição de 2000. O minúsculo bar tem apenas 5,19 metros quadrados — certamente menor do que muito banheiro por aí.

A menor unidade de tempo
Max Planck, um dos pais da física quântica, é considerado como uma das mentes mais poderosas do século XX. Em homenagem ao cientista, batizou-se de “tempo de Planck” a menor unidade de tempo utilizada para quaisquer fins.

Trata-se do tempo necessário para que a luz percorra, no vácuo, a distância denominada de “comprimento de Planck” 1.616199 × 10^-35 metro. Tente medir aí: o “tempo de Planck” representa o período de 5.39106(32) × 10^-44 segundo.

O menor jornal
As 32 páginas dessa edição especial do jornal português Terra Nostra só podem ser lidas — pela maioria das pessoas, pelo menos — com a ajuda de uma lupa. Diferentemente do que se poderia pensar, entretanto, não se trata de uma miniaturização pouco precisa. Longe disso.

Na verdade, a edição de 20 de fevereiro de 2012 do Tera Nostra, reconhecida como “o menor jornal do mundo” pelo Guinness, tem exatamente o mesmo conteúdo de uma edição normal. A diferença aparece nas medidas, é claro. São 18,27 milímetros x 25,35 milímetros em uma pequena pilha de papel pesando 1 grama.

A menor bicicleta funcional

Ok, tudo bem, então aquele seu bonequinho vinha com uma bicicleta ainda menor do a do vídeo acima. Mas você conseguia pedalá-la? Bem, o russo acima consegue. Na verdade, a minúscula bike é puxada de dentro da mochila do sujeito assim que o exemplar maior acaba por deixa-lo na mão. Impressionantemente, a bicicletinha realmente funciona. Vlw!Comenta aee oq tu achou?
Postar um comentário

COMENTE!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...