quinta-feira, 1 de julho de 2010

E SE ELE NÃO FOR UM LUNÁTICO, E SE ISSO NÃO FOR MESMO UMA BRINCADEIRA?


Bizarro! 28 de janeiro de 2005: agentes do FBI (A Polícia Federal Americana) conduzem um preso e devidamente algemado pelas ruas de Nova Iorque um misterioso cidadão, sob a acusação de obter vantagens indevidas no mercado de ações de Wall Street mediante a fraudulenta utilização de informações privilegiadas.

O sujeito, quando interrogado, disse se chamar Andrew Carlssin, 44 anos de idade e que.... O sucesso das suas operações na Bolsa devia-se ao fato de ele SER UM VIAJANTE DO TEMPO, ADVINDO DO ANO 2256 e que, justamente por esse motivo, sabia com precisão e bastante antecedência o que estava fazendo! Com um investimento inicial de apenas 800 dólares, em duas semanas ele obteve um portfólio avaliado em 350 MILHÕES DE DÓLARES! Todas as transações que realizou deram lucros, mesmo em áreas temerárias e inesperadas dos negócios, o que - concordam os membros da Comissão de Segurança do Governo que assumiram as investigações - "não poderia se tratar simplesmente de sorte, uma vez que ele somente poderia ter conseguido isso através de informações internas ilegais".

O tal "viajante do tempo" acha-se, ao que se saiba, atualmente sob custódia, preso em uma cela da Ilha Riker até que "finalmente concorde em divulgar as suas fontes". Porém, Andrew Carlssin jura que é mesmo um viajante no tempo e que necessita urgentemente ser libertado para retornar ao futuro na sua "nave temporal", da qual ele se recusa a revelar a localização com medo que venha a "cair em mãos erradas". O mais espantoso de tudo é que os agentes federais ainda não encontraram nenhum registro existente sobre qualquer Andrew Carlssin antes de dezembro de 2002.

Portanto ele oficialmente NÃO EXISTE NO NOSSO TEMPO! E durante as quatro horas de severo interrogatório, Carlssin disse que viera de uma época 200 anos à nossa frente e que o seu conhecimento da era atual lhe permitira acumular a fortuna que obteve. - "Era tentador demais para resistir", acrescentou no depoimento que foi gravado em videotape. E para provar que estava falando a verdade, Carlssin se ofereceu para falar sobre "fatos históricos" como a futura cura da AIDS e o real esconderijo de Osama Bin Laden. - "Pode se tratar de um lunático", pensam algumas autoridades.

"Deve ser um brincalhão", afirmam outros. Contudo, depois disso abafaram o assunto e nunca mais se ouviu falar dele. Realmente curioso. Mas.... E SE ELE NÃO FOR UM LUNÁTICO, E SE ISSO NÃO FOR MESMO UMA BRINCADEIRA?
Postar um comentário

COMENTE!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...