domingo, 8 de agosto de 2010

Curso preparatório para esposas!



Na década de 50 era comum no Brasil e no mundo as escolas para formação de esposas. A mulher ganhava diploma e tudo, porém com a revolução feminina e a revolução sexual que aconteceram nas décadas seguintes esse tipo de 'curso' foi totalmente extinto e representava o que havia de pior em machismo e opressão a individualidade da mulher contemporânea.  Porém, hoje depois que todas as revoluções ideológicas já se passaram, será que não valeria a pena reinventar esse curso. Por que digo isso? Digo porque hoje em dia ser uma mãe de familia é tão ou mais complicado do que antes e as mulheres estão até certo grau ficando alienadas em determinados aspectos dessa tarefa. Vejamos quais seriam os pontos que deveriam ser abordados nesse curso:

Casamento
A mulher aprenderia como fazer um planejamento antes do casamento, e não digo planejamento da decoração do casamento, mas sim um planejamento em relação a estrutura familiar que ela pretender ter na sua futura familia. Planejar a compra da casa, do carro e o bairro onde pretende criar seus filhos. Isso antes do casamento.

Futuro Profissional
Qual o futuro profissional que ela pretende seguir, quais rumos sua carreira vai tomar, quais cursos pretende fazer e como isso vai impactar na concepção de filhos e no casamento.

Mãe é mãe e pai é pai
As mulheres de hoje tem a impressão extremamente equivocada que o homem é meio mãe. Não é! Isso é coisa de novela e livros de romances. O homem ainda tem muita testosterona e ele é pai. Claro que ele vai ajudar a cuidar do bebê, a educar o filho e tudo mais, mas de maneira muito diferente da mãe. A cobrança para que o pai seja uma mãe muitas vezes eleva a pressão do casamento ao um nível em que o marido pede divórcio pois ele não é talhado para isso.

Ser uma mulher sensual
As mulheres, apesar da liberdade sexual de hoje, ainda confundem aspectos simples de ser sensual e realmente satisfazer um homem na cama. Digo isso porque os homens em geral se sentem obrigados a satisfazerem as mulheres na cama e fazem tudo o que for ao seu alcance (mesmo quando esse alcance é pouco) para satisfaze-las. Mas as mulheres em sua maioria tem um pensamento diferente. Homem mal cuidado vai pastar em gramas mais verdes.

Dona de casa
A casa é da mulher, fim! ninguém contesta isso, feliz o homem que consegue um cômodo para ele usar de escritório. O problema é que a mulher de hoje não sabe passar, cozinhar, lavar limpar, não sabe nada. Claro que se eles puderem, terão uma empregada, mas pô, a empregada não está disponível toda hora. Tenho muitos amigos e vejo muito na blogosfera que vários homens saem do serviço as 18:00 e ficam na casa das mães até as 21:00, para poder receber um pouco de cuidado (comida da hora, casa arrumada e etc.).

Mãe educadora
Tanto a mãe quanto o pai terão papel fundamental na criação educacional do filho. Claro que nos dias de hoje os filhos vão desde cedo para a escola (creche, jardim, pré-escola e etc.), mas faz parte das responsabilidades dos pais cuidarem da educação dos filhos e não terceirizarem completamente essa função.



Educação sexual
As crianças estão ficando cada vez mais precoces em sua sexualidade, por isso a famosa 'conversa' é muito diferente hoje do que a vinte anos atrás. Hoje a conversa precisa ser realizada mais cedo, ser mais detalhada e acontecer diversas vezes, desde a infância, passando pela adolescência até a idade adulta. Cada qual com abordagens diferentes.





Relacionamento
A mulher comum mudou muito nos últimos anos, ela é mais bonita, é mais vaidosa, tem mais liberdade, é uma consumidora nata, tem grande sucesso profissional e gosta de viver a vida. O homem comum não mudou. Ele ainda gosta de futebol, ainda toma cerveja com os amigos, ainda finge que se preocupa com a barriguinha crescendo, ainda detesta ir ao médico. O problema é que a mulher de hoje por não entender essas diferenças entre os sexos exige coisas que são indecifráveis e inalcansáveis para o homem comum. Isso acaba por gerar uma tremenda frustração em ambos e na maior parte dos casos resulta em um casamento frio ou no divórcio.

Homem é Homem, Mulher é Mulher
Não adianta encher a paciência de homem que é desleixado por natureza. Se ele atrasa o pagamento de todas as contas, se ele atrasa a renovação dos documentos, se ele não leva o carro para a revisão na data certa, ficar enchendo o ouvido dele de reclamação só vai fazê-lo procurar outra mulher que tenha uma perspectiva diferente. Se ele é fraco nisso, assuma você mulher essa função, e passe para ele funções que ele vai conseguir fazer com maestria.



Infidelidade


Não faça e não aceite. Quem é infiel, sempre será. Pode haver casos em que você ou ele criarão essa situação por forçar barras desnecessárias. Mas em geral o melhor é ser solteira ou solteiro por um bom tempo antes de casar.





Postar um comentário

COMENTE!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...