domingo, 25 de agosto de 2013

Hipopituitarismo


Hipopituitarismo – A doença da menina do filme A Órfã

Em 2009, foi lançado o filme de terror psicológico, A Órfã, onde a lindinha e assustadora Isabelle Fuhrman, interpretou a personagem Esther Coleman.












No desenrolar da história, é revelado que Esther é portadora de hipopituitarismo, uma rara doença, que compromete seu desenvolvimento físico.




De modo geral, a doença se caracteriza pela redução da secreção de um ou mais hormônios produzidos pela glândula pituitária (ou hipófise), que fica na base do cérebro.




Os sinais da doença, variam em relação ao hormônio que está sendo afetado. No filme, Esther tem seu crescimento comprometido, ficando com o físico de uma criança.




Os hormônios da pituitária possuem diferentes funções em nosso organismo, logo, outros sinais podem ser apresentados pelo portador da doença como: queda dos pelos pubianos, redução da libido, infertilidade, atraso da puberdade, insuficiência renal, baixa estatura, depressão e alteração na composição corporal…




O diagnóstico pode ser feito através de exames de sangue, que indicam eventuais deficiências hormonais, e exames de imagens que podem revelar a causa subjacente da doença, como tumores.












Ao contrário da personagem Esther, sua protagonista Isabelle Fuhrman está em pleno desenvolvimento corporal e a cada dia fica mais linda.







Fonte: Mundo Drive
Postar um comentário

COMENTE!!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...